Coimbra  18 de Outubro de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Câmara de Coimbra apoia 51 associações culturais na primeira fase

12 de Junho 2021 Jornal Campeão: Câmara de Coimbra apoia 51 associações culturais na primeira fase

O Executivo da Câmara Municipal (CM) de Coimbra vai analisar e votar, na sua reunião de segunda-feira (14), uma proposta para a atribuição de apoios financeiros no valor global de 294 250 euros a 51 associações culturais.

Estas associações candidataram-se à primeira fase do “Apoio Financeiro Municipal à Actividade Permanente para 2021 – Associativismo Cultural Geral”, com a finalidade de as dotar das condições necessárias ao normal desenvolvimento das suas actividades, apesar do actual contexto da pandemia. As propostas foram analisadas ao abrigo do novo Regulamento Municipal de Apoio ao Associativismo Cultural, que entrou em vigor em Dezembro de 2019.

Com o propósito de valorizar o trabalho produzido pelo tecido associativo de Coimbra no domínio da Cultura, a CM Coimbra abriu o período de candidaturas ao apoio financeiro municipal para o associativismo cultural geral, para actividade permanente em 2021, de 1 de Março até 9 de Abril. Tendo em conta os constrangimentos provocados pela pandemia da Covid-19, que criaram impedimentos no cumprimento dos requisitos necessários para a submissão de candidaturas – nomeadamente na entrega de documentos, que tinham de ser aprovados nas reuniões das assembleias gerais das respectivas colectividades – a autarquia decidiu também abrir uma nova fase de candidaturas, que está a decorrer até 21 de Junho.

Assim sendo, nesta primeira fase, foram submetidas e validades 51 candidaturas, traduzindo-se num apoio financeiro global de 294 250 euros. Foram, assim, validadas 20 candidaturas na área da música (119 mil euros), três na área da dança (6 750 euros), 10 na área da etnografia e folclore (20 mil euros), quatro na área do teatro (53 250 euros), duas no cinema e audiovisual (15 mil euros), duas na área das artes plásticas e visuais (57 500 euros), cinco na área de cultura e recreio (8 mil euros) e outras cinco de associações cujas actividades evidenciam interesse cultural (14 750 euros).

Os apoios serão, posteriormente, formalizados através da assinatura de Protocolos de Apoio Financeiro Municipal à Actividade Permanente para 2021 – Associativismo Cultural Geral, a celebrar entre o Município e os respectivos agentes culturais.