Coimbra  24 de Fevereiro de 2024 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Bloco de Esquerda quer voltar a ter um deputado eleito pelo círculo de Coimbra

21 de Dezembro 2023 Jornal Campeão: Bloco de Esquerda quer voltar a ter um deputado eleito pelo círculo de Coimbra

O Bloco de Esquerda apresentou esta quinta-feira a lista de candidatos às próximas eleições legislativas pelo círculo de Coimbra.

Em conferência de imprensa realizada na sede do partido, Miguel Cardina apresentou os principais objectivos para a disputa eleitoral e a lista que estará a encabeçar. Miguel Cardina reforçou a importância do voto no Bloco “para resolver os bloqueios trazidos pela maioria absoluta, para impedir as direitas de governar e para derrotar a extrema-direita e as políticas que a alimentam”.

De acordo com o historiador e dirigente nacional do Bloco, o voto no Bloco é um voto que pode eleger à esquerda, mostrando-se muito confiante na possibilidade de o partido recuperar a representação parlamentar no distrito.

Prometendo uma campanha “feita na rua”, anunciou a vontade de disputar cada voto. “A reeleição de um deputado à esquerda faz toda a diferença nos temas que contam: na habitação, na saúde, na educação, na política salarial, na ciência e na cultura, na mobilidade. O país é também aqui”, frisou.

Miguel Cardina aproveitou para dar exemplos de problemas na saúde ou habitação. “Quando em Coimbra temos os Covões esvaziados, quando temos a construção da maternidade adiada, ou quando temos os reflexos da aposta errada no modelo das ULS, são os bloqueios na saúde que se fazem sentir em contexto local. Quando temos o preço do arrendamento a subir 23,5% em cerca de um ano é o ataque ao direito à habitação a sentir-se em contexto local”.

Quanto à lista de candidatos, acentuou os critérios de diversidade e de renovação que presidiram à sua construção.

Lista Bloco de Esquerda

1. Miguel Cardina, 45, historiador

2. Mariana Rodrigues, 28, jurista

3. Ana Carolina Gomes, 33, antropóloga

4. Eduardo Figueiredo, 28, docente universitário

5. Gisela Martins, 42, diretora de compras e responsável ambiental

6. Alexandre de Sousa Carvalho, 38, professor e investigador

7. Cristina Matos, 54, contabilista certificada

8. António Rodrigues, 70, médico de família aposentado

9. João Santo, 59, professor

10. Júlia Correia, 54, professora

11. Daniel Neves Costa, 45, sociólogo e docente universitário

12. João Rui Mendes, 45, médico dentista

13. Bárbara Ranito, 47, jurista

14. Cristiana Moita, 25, estudante e técnica de arqueologia