Coimbra  8 de Março de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Banco de Voluntariado da Lousã procura nova dinâmica

5 de Janeiro 2021 Jornal Campeão: Banco de Voluntariado da Lousã procura nova dinâmica

A Câmara Municipal pretende dar um novo dinamismo ao Banco de Voluntariado da Lousã e, procurando atingir esse objectivo, aprovou esta segunda-feira (04), por unanimidade, o novo Regulamento de funcionamento, que será agora submetido para apreciação da Assembleia Municipal.

Paralelamente, foi, também, desenvolvido um novo logotipo para o Banco de Voluntariado e efectuada a adesão à plataforma Portugal Voluntário (www.portugalvoluntario.pt) onde os cidadãos que pretendam efectuar voluntariado – de forma regular e com compromisso – se podem inscrever.

O Banco de Voluntariado da Lousã foi em criado 2003 e, no ano de 2020, passou a integrar as estruturas da CASES – Cooperativa António Sérgio para a Economia Social.

Além da Câmara Municipal da Lousã (entidade enquadradora do Banco de Voluntariado), as organizações para as quais pode fazer voluntariado são a ACTIVAR – Associação de Cooperação da Lousã, ADIC – Associação de Defesa do Idoso e da Criança de Vilarinho, ADSCCL – Associação de Desenvolvimento Social e Cultural dos Cinco Lugares, ARCIL – Associação para a Recuperação de Cidadãos Inadaptados da Lousã, Associação Recreativa Cultural e Social das Gândaras, Centro Paroquial de Solidariedade Social de Serpins, Centro Social de Casal de Ermio, Louzanimales – Associação pelos Animais da Lousã e Santa Casa da Misericórdia da Lousã.

Durante o último ano, e especialmente como forma de resposta à pandemia e às inúmeras solicitações, o Município desenvolveu diversas iniciativas com base no voluntariado como o SOS Vizinho e outras.