Coimbra  8 de Abril de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Autárquicas: Jaime Ramos acena com agência europeia

23 de Maio 2017

Jaime Ramos (PSD), potencial sucessor de Manuel Machado (PS), aspira a que Coimbra venha a acolher a sede da Agência Europeia do Medicamento.

Foi na sequência de uma reunião de trabalho com Carlos Cortes e outros dirigentes da Ordem dos Médicos que o candidato social-democrata à liderança da Câmara de Coimbra anunciou a intenção de se bater pela implantação da Agência Europeia do Medicamento na cidade.

Médico, Jaime Ramos voltou a insistir na preocupação por, segundo diz, Coimbra estar a ser ultrapassada por outras cidade, devido às políticas de «emagrecimento» do Centro Hospitalar Universitário (CHUC) com estrangulamento financeiro e orçamental.

O ex-governador civil alertou para a destruição de emprego na Administração Regional de Saúde do Centro, alegando que ela tem vindo a ser «secada» mediante transferência de competências para Lisboa e Porto.

“Cria-se emprego em Lisboa e no Porto, à custa de Coimbra, e a Câmara Municipal de Coimbra continua sem nada fazer”, opina Jaime Ramos, em cujo ponto de vista a edilidade tem de pensar mais em Coimbra e menos nos interesses partidários.

Na perspectiva do antigo governador civil, Coimbra tem tudo o que é necessário para acolher a sede da Agência Europeia do Medicamento, “faltando unicamente liderança, ambição e capacidade de cooperação entre as várias organizações”.

Segundo um comunicado da candidatura de Jaime Ramos, o futuro presidente da Câmara conimbricense, o homólogo do CHUC e do Instituto Politécnico e o reitor da Universidade devem criar um plano de defesa dos interesses estratégicos da cidade a nível da fileira da saúde.

 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com