Coimbra  22 de Setembro de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Assembleia Municipal de Pampilhosa da Serra encerrou mandato de 2017-21

5 de Setembro 2021 Jornal Campeão: Assembleia Municipal de Pampilhosa da Serra encerrou mandato de 2017-21

A última reunião do actual mandato da Assembleia Municipal de Pampilhosa da Serra realizou-se na passada sexta-feira, 3 de Setembro.

De acordo com o Município, a sessão ficou marcada pelas declarações de despedida e agradecimento por parte dos deputados municipais e dos presidentes da Assembleia e da Câmara Municipal de Pampilhosa da Serra.

José Brito, que se encontra no final do 3.º mandato, e por isso impossibilitado por lei de se recandidatar ao cargo, realizou, pouco antes do encerramento da sessão, uma intervenção “de agradecimento”, afirmando que “quem se propõe a desempenhar estes cargos” deve sempre “fazer o melhor que pode e sabe em prol dos pampilhosenses”, algo que reitera ter sempre tentado realizar, em conjunto com as várias equipas que o acompanharam ao longo destes últimos 14 anos à frente dos destinos da autarquia, de modo a que seja hoje possível dizer que “a Pampilhosa da Serra é conhecida também por bons motivos”.

“Ciente de que não conseguimos fazer tudo aquilo que queríamos”, o autarca adianta que, apesar de ter enfrentado um dos piores mandatos de sempre, fruto dos incêndios de 2017 e da pandemia que assola todo o planeta, “conseguimos acudir às pessoas e não deixamos de fazer obra na mesma”, garantindo ainda assim que se conseguiu “ter as contas devidamente estabilizadas e em ordem”.

José Brito assegurou ainda que desempenhou “esta missão com muito agrado”, sentindo sempre a “colaboração de todos”, da “Assembleia e dos presidentes de Junta”, sendo que no caso dos últimos foram “incansáveis” e fundamentais “para que as coisas aconteçam no terreno” pois “estão mais próximos das pessoas”, terminando a sua intervenção com um longo aplauso por parte da plateia ao garantir que “cada vez mais os pampilhosenses têm orgulho em dizer que são da Pampilhosa da Serra, e isso é fundamental”.

A encerrar a sessão, Hermano Almeida, presidente da Assembleia Municipal, fez questão de agradecer “em primeiro lugar, à mesa que me acompanhou”, com especial destaque para o primeiro-secretário, António Cebola, homem “de uma honestidade, de uma lealdade, de uma competência inexcedíveis”. Agradeceu também a todos os deputados municipais, pela “maneira digna, educada, correta, com que fui brindado”, facilitando o facto de ser presidente desta Assembleia.