Coimbra  19 de Agosto de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Arganil: Feira das Freguesias constitui-se como uma “montra” da vila

8 de Junho 2018

A 13.ª Feira das Freguesias de Arganil, onde a gastronomia local e regional estará em evidência, realiza-se entre hoje e domingo (10), maioritariamente no centro da vila, por onde se espera que passem milhares de pessoas durante os três dias.

O certame reúne o que de melhor existe no concelho, quer a nível gastronómico como cultural e é uma forma de “celebrar e enaltecer as tradições e as raízes da Beira Serra”, explica a Câmara Municipal de Arganil, promotora do evento.

A praça de Simões Dias, a Fonte de Amandos e outras ruas limítrofes serão o epicentro desta festa concelhia que, todos os anos, tem vindo a atrair mais visitantes.

No certame estão representadas todas as 14 freguesias ou uniões de freguesia do concelho (Arganil; São Martinho da Cortiça; Pombeiro da Beira; Sarzedo; Celavisa; Cepos e Teixeira; Folques; Secarias; Coja e Barril de Alva; Vila Cova de Alva e Anceriz; Cerdeira e Moura da Serra; Benfeita; Pomares e Piódão), que trazem as suas colectividades e associações, mostrando o que são e o trabalho que desenvolvem.

“Neste momento o certame está francamente afirmado e o que constatamos é que dentro do espaço de cada freguesia, as colectividades anseiam por se fazer representar”, afirmou Luís Paulo Costa, presidente do Município, à Rádio Regional do Centro. O édil constata, ainda, que a ‘Feira’ é “uma montra do trabalho e do esforço que as associações fazem durante o ano, e ao mesmo tempo é uma oportunidade para conseguirem juntar algum recursos financeiros”. Segundo o autarca, “há instituições que conseguem, com a participação na feira, compor o seu orçamento anual” e esse é, também, o objectivo do evento.

“Esta é uma mostra gastronómica, cultural, social e recreativa, que pretende ser um ponto de encontro da vasta comunidade arganilense, de todos os amigos de Arganil e de quem nos queira visitar”, realça Luís Paulo Costa, sem esquecer os muitos cidadãos naturais do concelho que, por razões diversas estão fora e aproveitam para regressar nestes dias. É o caso da comunidade arganilense em Lisboa, que ruma ao interior da região Centro, com o apoio e acompanhamento da “Casa da Comarca de Arganil”, sediada em Lisboa, que ajuda a manter a ligação ao concelho.

“A Casa da Comarca funciona quase como a embaixada de Arganil em Lisboa”, explica o édil, realçando que a proximidade ao município se mantém também através dessa entidade, saindo reforçada com este evento.

Para além da gastronomia, onde não faltarão os pratos de chanfana, do bucho recheado, o cabrito ‘à serrana’, a tigelada e as famosas secarias, esta ‘Feira das Freguesias’ potencia, também, a componente cultural que existe em Arganil. O folclore, a dança, o teatro, a música e o artesanato são áreas muito presentes no certame, mostrando o que de melhor se produz no concelho.

Durante três dias, vários grupos das freguesias de Arganil, das mais diversas áreas, vão passar pelo palco da praça de Simões Dias ou da Fonte de Amandos, nos quais se incluem as fanfarras, grupos folclóricos, ranchos, tunas, bombos e os grupos “The Boogies”, “Cherry on Top” e “Sons e Suadelas”, que irão animar esta edição da Feira das Freguesias.

A inauguração oficial do certame decorre hoje, pelas 19h00, sendo que nos dias seguintes o evento está aberto a partir das 10h00, servindo almoços e jantares.

Para Luís Paulo Costa, é a “componente cultural, que se tem vindo a afirmar, e a gastronómica, com os produtos endógenos de Arganil”, que “diferencia estes territórios, não estão tão próximos do litoral” e que atraem as atenções dos visitantes a esta ‘Feira’.

PROGRAMA

Amanhã (08)

19h00 – Inauguração e Abertura da Feira das Freguesias – 13.ª Mostra Gastronómica
20h00 – The Boogies – Praça de Simões Dias
20h30 – Rancho Folclórico Serra do Ceira – Fonte de Amandos
21h00 – Associação Filarmónica Progresso Pátria Nova de Côja – Praça de Simões Dias
22h00 – Tuna Cantares de Côja – Fonte de Amandos
23h00 – Grupo Folclórico da Região de Arganil – Praça de Simões Dias
Sábado (09)
10h00 – Abertura da Feira das Freguesias – 13.ª Mostra Gastronómica 2018
14h00 – Zés Pereiras do Sarzedo
16h00 – Fanfarra dos Bombeiros de Côja
19h00 – Associação Filarmónica Barrilense – Praça de Simões Dias
19h30 – Rancho Folclórico “Os Malmequeres da Cerdeira” – Fonte de Amandos
21h00 – Associação Filarmónica de Arganil – Praça de Simões Dias
21h30 – Tuna de São Martinho da Cortiça – Fonte de Amandos
22h00 – Rancho Folclórico Rosas de Côja – Praça de Simões Dias
22h30 – Rancho Juvenil da Casa do Povo de Arganil – Fonte de Amandos
23h00 – Cherry On Top – Praça de Simões Dias
Domingo (10)
10h00
– Abertura da Feira das Freguesias – 13.ª Mostra Gastronómica 2018
14h00 – Bombos de São Nicolau de Pardieiros
14h30 – Rancho Folclórico Povos da Ribeira de Celavisa – Fonte de Amandos
15h00 – Grupo de Danças e Cantares de Soito da Ruiva – Praça de Simões Dias
15h30 – Grupo Etnográfico Raízes de Sobral Gordo – Fonte de Amandos
16h00 –União Recreativa e Musical Pomarense – Praça de Simões Dias
17h30 – Tuna Popular de Arganil – Praça de Simões Dias
18h00 – Entrega dos prémios aos vencedores do “Concurso Gastronómico Feira das Freguesias 2018” – Praça de Simões Dias
18h30 – Sons e Suadelas
19h30 – Rancho Infantil e Juvenil “ Os Columbinos”- Fonte de Amandos
20h00 – Sociedade Filarmónica Flor do Alva – Praça de Simões Dias
21h00 – Rancho Infantil e Juvenil de Côja – Côja-a-Animar – Fonte de Amandos
21h30 – Rancho Folclórico Flores do Casal de São João– Praça de Simões Dias
00h00 – Encerramento do certame

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com