Coimbra  7 de Julho de 2020 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

“Anos incríveis” promove a saúde mental

23 de Novembro 2016 Jornal Campeão: “Anos incríveis” promove a saúde mental

O auditório da Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra recebe, na sexta-feira, a partir das 09h30, a conferência de encerramento do projecto “Anos Incríveis para a promoção da saúde mental”.

Este projecto,  coordenado pelas professoras Maria João Seabra Santos e Maria Filomena Gaspa, contou com o apoio de EEA Grants (Programa Iniciativas em Saúde Pública – PT06) e teve como principal objectivo “a promoção da saúde mental de crianças em idade pré-escolar através da capacitação de educadores de infância e profissionais de centros de saúde do distrito de Coimbra, com recurso a programas empiricamente validados”.

As diversas fases de implementação do projecto “suscitaram elevados níveis de adesão e de satisfação nos destinatários, tendo sido envolvidos quase duas centenas de profissionais de saúde de 11 centros de saúde do distrito de Coimbra, assim como várias dezenas de educadoras de infância”, referem os organizadores.

Os resultados das diversas acções desenvolvidas serão apresentados na conferência final, que contará com a presença de representantes da Saúde (Álvaro de Carvalho, director do Plano Nacional para a Saúde Mental), da Segurança Social (Sofia Borges Pereira, vogal do Conselho Directivo do Instituto de Segurança Social) e da Educação (Pedro Cunha, sub-diretor geral da Educação), para além de uma representante da embaixada da Noruega (país doador), elementos do núcleo executivo dos EEA Grants e dos parceiros do projecto (Instituto Politécnico de Coimbra, Associação Nacional de Intervenção Precoce e Universidade de Tromso).

Siri Gammelstæter, do Regional Centre for Child and Youth Mental Health and Child Welfare da Noruega, e Judy Hutchings, da Universidade de Bangor, no País de Gales, irão proferir conferências sobre a implementação do programa “Anos Incríveis”, enquanto abordagem sistemática de promoção da saúde mental infantil e de mitigação do risco social nos respectivos países.