Coimbra  20 de Novembro de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Anadia distingue os campeões Nuno Ferrão e Sandra Semedo

18 de Julho 2019

A Câmara Municipal de Anadia, concelho de que são naturais os mais recentes campeões Nuno Ferrão, da selecção nacional de hóquei em patins, e Sandra Semedo, em tricicleta, decidiu distinguir os seus conterrâneos com votos de louvor.

As duas distinções foram aprovadas, por unanimidade, durante a reunião de executivo de ontem (17), reconhecendo assim o mérito destes anadienses pelos feitos recentemente alcançados a nível internacional.

Nuno Ferrão é director técnico da selecção nacional de hóquei em patins, que se sagrou campeã do mundo, no passado domingo (14), batendo a sua congénere Argentina, no desempate por grandes penalidades. Este é o 16.º título para Portugal, que já não o conquistava há 16 anos.

Ferrão é natural de Anadia, foi jogador de hóquei em patins do Anadia Futebol Clube, e é, actualmente, seleccionador, treinador e director técnico nacional da Federação Portuguesa de Patinagem.

Segundo a autarquia, entre outros pontos altos da sua carreira, destaca-se a sua estreia enquanto seleccionador principal, tendo conquistado, ao comando da selecção nacional de Sub-17, o 13.º título europeu do escalão.

Em 2018, passou a dirigir a selecção nacional sub-20 de hóquei em patins (em acumulação com o cargo com a selecção de sub-17), e obteve o terceiro lugar no Campeonato da Europa.

Quanto a Sandra Semedo, a atleta que representa a Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra (APCC), e também natural de Anadia, esteve em destaque durante toda a passada semana por conquistar três medalhas de ouro na Taça Internacional de Tricicleta 2019, prova que decorreu na Dinamarca.

Sandra Semedo sagrou-se campeã mundial em três categorias distintas (400, 800 e 5 000 metros), ficando, ainda, a um lugar do pódio na corrida de 100 metros.

A atleta pratica atletismo, na modalidade de tricicleta, na classe RR2, desde 2012 e conta no seu currículo com 12 medalhas obtidas em provas internacionais, tendo oito sido conquistadas na Taça Internacional de Tricicleta, a maior competição a nível mundial dedicada exclusivamente à tricicleta (seis de ouro e duas de prata), em representação de Portugal.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com