Coimbra  12 de Maio de 2021 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Anadia apela à remoção de sobrantes de exploração para defesa da floresta

19 de Março 2021 Jornal Campeão: Anadia apela à remoção de sobrantes de exploração para defesa da floresta

Devido à detecção de sobrantes de exploração nas redes de defesa da floresta contra os incêndios (RDFCI), em Anadia, o Município apela aos proprietários e produtores florestais que procedam à remoção destes.

Segundo o Executivo, “este apelo tem em vista a prevenção e o controlo dos incêndios florestais e a defesa da floresta, de pessoas e bens”.

O Município sublinha que “manutenção de sobrantes de exploração nas RDFCI constitui uma infracção ao disposto no Decreto-Lei n.º 124/2006, de 28 de Junho, na sua redacção actual”.

Os sobrantes comprometem o acesso a todos os pontos dos maciços florestais e a ligação entre as principais infra-estruturas de defesa da floresta contra incêndios, ficando em causa o desenvolvimento de acções de protecção civil em situações de emergência.

“A remoção dos sobrantes deve ser efectuada no prazo máximo de 30 dias úteis, sob pena de instauração do respectivo processo contra-ordenacional”, informou a Câmara Municipal.

Para qualquer informação ou esclarecimento deverá ser contactado o Gabinete Técnico Florestal do Município de Anadia, através do 231 510 730.