Coimbra  19 de Maio de 2024 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Águas de Coimbra propõe aumento de tarifário de 5,36% para 2024

10 de Novembro 2023 Jornal Campeão: Águas de Coimbra propõe aumento de tarifário de 5,36% para 2024

A empresa municipal Águas de Coimbra (AC) propõe um aumento do tarifário de 5,36% para 2024, em linha com a evolução dos preços em alta, afirmou o município, que analisa e vota a proposta na reunião de segunda-feira.

“Atendendo à recomendação da Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR) para que as tarifas praticadas pela AC acompanhem a evolução dos preços estabelecidos em alta, a proposta de actualização do tarifário para 2024 é de um aumento de 5,36%”, afirmou a Câmara de Coimbra.

Segundo o município, este aumento, num consumo mensal de referência de dez metros cúbicos de água leva a um incremento de 1,64 euros no valor final da factura.

De acordo com a Câmara de Coimbra, a tarifa social “não irá sofrer qualquer alteração”.

O aumento proposto pela AC é exactamente o mesmo verificado no preço da água e do serviço de tratamento de efluentes, “já anunciado pela Águas do Centro Litoral, empresa fornecedora da Águas de Coimbra”.

Esse aumento em alta “é um factor determinante nesta proposta de actualização do tarifário”, salienta a autarquia.

“Esta proposta reflecte uma estratégia tarifária que equilibra a sustentabilidade financeira com a qualidade e a acessibilidade dos serviços prestados aos clientes, num ano que sabemos ser de inflação generalizada e de dificuldades económicas para as famílias”, vincou a Câmara de Coimbra.

Face ao contexto socioeconómico adverso, a empresa municipal optou por não ir “além do aumento que lhe foi aplicado pela entidade fornecedora, não obstante vir a enfrentar, em 2024, um acréscimo significativo dos encargos com pessoal, pelo aumento previsional do salário mínimo nacional e do subsídio de refeição, assim como o aumento generalizado dos preços dos bens e serviços que a AC tem que adquirir”.

Também na próxima reunião do executivo, será votada uma proposta de aumento de 6,43% no preço do bilhete ocasional praticado pelos Serviços Municipalizados de Transportes Urbanos de Coimbra (SMTUC).

A Câmara de Coimbra salienta que esta proposta segue a recomendação da Autoridade da Mobilidade e dos Transportes.

O aumento não se aplica aos passes mensais, aos títulos sociais 3.ª Idade, Sénior+, Apoio Social+ e Consigo+.

“Com esta actualização, os SMTUC pretendem fidelizar os seus utilizadores e aumentar o potencial da procura de transportes colectivos”, realçou o município, considerando que o aumento “não deixa de ser um estímulo à compra dos passes em detrimento dos títulos individuais”.