Coimbra  27 de Maio de 2019 | Director: Lino Vinhal

Semanário no Papel - Diário Online

 

Falta de brio “borra” pintura

27 de Dezembro 2018

A lei do menor esforço levou a que haja pintura “borrada” em território da União de Freguesias de Eiras e S. Paulo de Frades (Coimbra).
Numa superfície adjacente à farmácia de Eiras, dois lugares reservados para estacionamento de viaturas pertencentes a cidadãos portadores de deficiência encontram-se marcados «às três pancadas».
O primeiro dos lugares assinalados (vide foto) devia ser o segundo, como demonstra o rectângulo de menor dimensão (desenhado à ilharga, do lado a Poente). Aquele que devia ser o primeiro dispensa a reserva de espaço destinado a cadeira de rodas.
A lei do menor esforço levou a que, havendo um veículo estacionado no primeiro dos lugares, o pessoal autárquico haja reservado o terceiro para pessoas deficientes sem que este possua à ilharga um rectângulo de menor dimensão.
Se é certo e sabido que «cadelas apressadas» dão à luz cachorros cegos, não é menos verdade que uma pontinha de brio profissional é indispensável ao desempenho de qualquer tarefa, sob pena de se “borrar” a pintura.